10.6.12

confusão ideológica



Marx, Engels e a maioria dos marxistas confundiam «economia» e «sobrevivência». O que move o mundo dos homens é a sobrevivência (e a morte), que Freud - no seu jeito fisiologista de ser austríaco e judeu - resumiu a dois instintos, emblematizados por dois mitos gregos (os judeus sempre tiveram sentido estético). 


O que nos move mais acredito que seja o impulso para a sobrevivência. Se a sobrevivência estiver nas relações económicas, como acontece nas sociedades capitalistas, a economia comanda tudo; se estiver em outras (relações de força, relações de corte), a economia não tem nenhum papel, tal como sabiam os cavaleiros medievais europeus, os berberes do Sahara e os poetas das cortes que nunca fizeram nada de jeito na vida - muito menos poesia ou negócio. 



No comments:

Post a Comment